Desembargador agiu como qualquer outro cidadão agiria na crise que vivemos


Desembargador agiu como qualquer outro cidadão agiria na crise que vivemos, independente do cargo, posição que exerce, ou vida social e econômica, o país passa por uma crise e as pessoas estão questionando mais seu direito. E um deles é o direito de ir e vir..

Desembargador agiu como qualquer outro cidadão agiria na crise que vivemos, independente do cargo, posição que exerce, ou vida social e econômica, o país passa por uma crise e as pessoas estão questionando mais seu direito. E um deles é o direito de ir e vir.
Sabemos que alguns Prefeitos e Governos estão usando a pandemia para embolsar, arrecadar dinheiro, subfaturar desviar etc. O cidadão já paga muito imposto e agora vem com essa de multa.




O Desembargador  Eduardo Siqueira, sabe sim de seus direitos,  o direito de ir e vir, ninguém é obrigado a usar máscara a nossa carta magna nos  ampara no direito a privacidade e desde que a pessoa não está contagiosa eis a questão, por que é obrigado a usar máscara?

Veja vídeo

O desembargador sabe que um decreto municipal não está acima da constituição, então agiu sim no seu direito de defesa e crise que o país está passando.

 Fonte: Folha Online


             

Virou notícia publicamos aqui

Assuntos sobre: Educação, Comportamento, entre outros. 

                                     

COMPARTILHE
Postagem Anterior
Próximo Post

Textos escolhidos pra você: