Movimento 'Diretas Já!' é destaque no Na Memória do Rádio

 

Alt text

Esta edição do Na Memória do Rádio destaca alguns fatos marcantes do movimento pelo garantia do direito ao voto para os brasileiros, na transição da Ditadura Militar para o retorno da Democracia: Diretas Já! 

Movimento 'Diretas Já!' é destaque no Na Memória do Rádio 

A história é contada a partir de gravações históricas, como discursos políticos, entrevistas, programas que tiveram como pano de fundo as Diretas Já! 

Ouça!! 

  O áudio Clique Aqui

 
 
 
 
 
LEIA AS PUBLICAÇÕES DA TRILHA DO RÁDIO
 

Movimento 'Diretas Já!' é destaque no Na Memória do Rádio

0 comentários
O movimento que exigia eleições diretas colocou lado a lado Ulysses Guimarães, Tancredo Neves, Leonel Brizola, Fernando Henrique Cardoso e Luiz Inácio Lula da Silva

Esta edição do Na Memória do Rádio destaca alguns fatos marcantes do movimento pelo garantia do direito ao voto para os brasileiros, na transição da Ditadura Militar para o retorno da Democracia: Diretas Já! 

A história é contada a partir de gravações históricas, como discursos políticos, entrevistas, programas que tiveram como pano de fundo as Diretas Já! 

Ouça!! 

 
Podcast "Na Memória do Rádio" - Diretas Já (26.01.2020)

19 de janeiro de 2021

'Na Memória do Rádio' presta homenagem a Elis Regina

0 comentários


Creative Commons - CC BY 3.0 - Elis Regina/ Divulgação


O 'Na Memória do Rádio' resgata momentos marcantes da trajetória de Elis Regina, uma das maiores, se não a maior, cantora do Brasil.  Apelidada pelo poeta Vinícius de Morais de pimentinha por causa do temperamento explosivo, gravou 18 álbuns de 1961 a 1980. Além de grande cantora, estava engajada politicamente, criticou a ditadura durante os shows ou nas canções que interpretava e foi voz ativa na campanha pela anistia dos exilados brasileiros. A artista faleceu há 39 anos, em 19 de janeiro de 1982.

Programas e depoimentos que ilustram esta edição do Na Memória do Rádio:

- Trecho do especial sobre os 50 anos da Bossa Nova, levado ao ar pela Rádio Jovem Pan, no programa Rádio ao Vivo, no quadro Som, Memória do Rádio (julho de 2008).

- Na Rádio Globo do Rio de Janeiro, um dia pós a morte de Elis Regina, o radialista Valdir Vieira, leu uma crônica em homenagem a cantora (20 de janeiro 1982).

- Entrevista de Elis Regina a repórter Luisa Borges, da Rádio Excelsior, para o programa Jornal Hoje (1981).

 
 Podcast "Na Memória do Rádio" - Elis Regina (19.01.2020)

30 de setembro de 2020

Na Memória do Rádio resgata registros históricos de Emilinha Borba

0 comentários
Autografo sobre fotografia de Emílinha Borba

O Na Memória do Rádio desta semana presta homenagem a Emilinha Borba, a mais genuína rainha do rádio. Emilinha nasceu Emília Savana da Silva Borba, no Rio de Janeiro, em 31 de agosto de 1923 e faleceu também no Rio de Janeiro, em 3 de outubro de 2005. Ela foi uma cantora de samba, marcha e choro brasileira. É considerada uma das mais populares intérpretes do século XX, no Brasil.

A história de Emilinha se confunde com a história do rádio brasileiro, tendo passado pelos principais programas da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, na Era de Ouro do Rádio. Emilinha foi eleita rainha do rádio em 1953.

Programas e depoimentos que ilustram esta edição do Na Memória do Rádio:

 

- Rádio Nacional do Rio de Janeiro, programa Caricatura, inicio da década de 1950;

- Rádio Jornal do Brasil, Simon Khoury entrevista Emilinha Borba, 1975;

- Rádio Nacional do Rio de Janeiro, programa Noites de Estrelas, 1952;

 
Podcast "Na Memória do Rádio" - Emilinha Borba (30.09.2020)

23 de setembro de 2020

'Na Memória do Rádio' comemora os 85 anos da Rádio Tupi do Rio de Janeiro

0 comentários
Rádio Tupi do Rio de Janeiro completa 85 anos


O 'Na Memória do Rádio', desta semana, resgata fatos marcantes e curiosidades da história da PRG-3 Rádio Tupi do Rio de Janeiro, que na próxima sexta-feira, 25, completa 85 anos. Destaque para os programas de auditório, radioteatro, radiojornalismo e esporte.

Para ilustrar os fatos, gravações marcantes que ajudam a contar os 85 anos da emissora carioca. Entre os resgates estão trecho da primeira edição do programa 'Incrível! Fantástico! Extraordinário!', levado ao ar em 1947; trechos dos programas: Rua da Alegria, Uma Pulga na Camisola, Calouros em Desfile, A Patrulha da Cidade, entre outros.

Destaque também para trecho do último capítulo da radionovela 'Maria Ninguém', que foi ao ar na segunda metade da década de 1970; narrações esportivas e para os noticiários O Grande Jornal Falado Tupi e Sentinelas da Tupi.  
Podcast 'Na Memória do Rádio -  85 Anos da Rádio Tupi (23.09.2020)

16 de setembro de 2020

Ouça entrevista com Herivelto Martins em programa da Rádio MEC AM

0 comentários
Trio de Ouro, formado por Dalva de Oliveira, Herivelto Martins e Nilo Chaves, sem data. Arquivo Nacional. Fundo Correio da Manhã (s/d)

Em 18 de setembro de 1991, o convidado do programa ‘Eu sou assim, retrato sem retoque de gente que a gente conhece’, da Rádio MEC AM, foi Herivelto Martins. O programa apresentado por Mário Morel seguia o formato talk show radiofônico, em que durante uma hora, um nome importante no cenário nacional era entrevistado e eram executadas suas músicas favoritas.

Levado ao ar ao vivo, as quartas-feiras, às 13h. Na fase de produção os convidados escolhiam suas músicas para serem executadas durante as transmissões. Como podemos perceber, logo no início do programa, Herivelto Martins chegou atrasado aos estúdios da Rádio MEC e por isso o apresentador do programa já inicia a transmissão chamando uma das músicas escolhidas pelo cantor e compositor.

Na ocasião da entrevista, Herivelto Martins estava com 79 anos e veio a falecer um ano depois dessa conversa. Na entrevista, Herivelto fala da sua história e de sua arte, entre outras coisas, ele destaca que foi na Rádio Nacional do Rio de Janeiro que conquistou a maior visibilidade durante sua carreira.

As canções escolhidas pelo artista e que foram executadas no programa são: Praça Onze, na voz de Castro Barbosa e Trio de Ouro; Isaura, na voz de João Gilberto; Ave Maria no Morro, com o Trio de Ouro; Segredo, com Dalva de Oliveira; Caminhemos, com Francisco Alves; Cabelos Brancos, com Silvio Caldas.


Rádio MEC AM - Eu sou assim [Herivelto Martins] (18.09.1991)


             

Virou notícia publicamos aqui

Assuntos sobre: Educação, Comportamento, entre outros. 

                                     

COMPARTILHE
Postagem Anterior
Próximo Post

Textos escolhidos pra você: