Novidade na Chapada Diamantina | Mucugê deve receber voo semanal da Abaeté Linhas Aéreas

Um dos maiores polos turísticos e agropecuários da Bahia, a Chapada Diamantina deve receber, a partir do segundo semestre, um voo semanal ofertado pela AbAbaeté Linhas Aéreas

 Novidade na Chapada Diamantina | Mucugê deve receber voo semanal da Abaeté Linhas Aéreas

 Um dos maiores polos turísticos e agropecuários da Bahia, a Chapada Diamantina deve receber, a partir do segundo semestre, um voo semanal ofertado pela AbAbaeté Linhas Aéreas. O projeto começou a sair do papel após o presidente da Frente Parlamentar do Setor Produtivo, o deputado estadual Eduardo Salles, que organizou audiência entre o secretário estadual de Turismo, Fausto Franco, e diretores da empresa. Na última sexta-feira (23), Eduardo Salles, Fausto Franco, o diretor da Abaeté, Guilherme Melo e e técnicos da empresa fizeram o voo entre Salvador e Mucugê, pousando a pista da Fazenda Progresso.

Os técnicos da Abaeté analisaram as condições técnicas da pista, como dimensões, balizamento noturno e outras avaliações, e sugeriram pequenas adequações. A empresa sinalizou que logo após os ajustes serem feitos deve iniciar os voos com partida de Salvador a Mucugê as quintas-feiras e retorno do município da Chapada Diamantina para capital aos domingos. A pista da Fazenda Progresso tem 1.240 metros de comprimento por 20 metros de largura e, após os ajustes, receberá pousos e decolagens das aeronaves Caravan 208 com capacidade para nove passageiros. >>>>>

A comitiva participou de audiência com a prefeita de Mucugê, Ana Medrado, e o prefeito de Ibicoara, Gilmadson Melo, e os outros gestores do Consórcio Chapada Forte, presidido por Wilson Cardoso, de Anadaraí, de forma virtual.

“Facilitar o acesso a Chapada Diamantina vai facilitar o turismo nacional e internacional numa das regiões mais lindas do mundo e que agora tem o enoturismo como mais uma opção, agilidade para os produtores de hortaliças, frutas, café, vinhos e queijos, por exemplo, e outros setores. A oferta desse voo vai dinamizar a economia regional”, celebra, Eduardo Salles.

“A ideia é começar com dois voos semanais aproveitando a sequência de feriados de Corpus Christi, São João e Dois de Julho, e depois aumentar conforme a demanda”, explica Fausto Franco.

Fonte: Blog do Anderson

             

Virou notícia publicamos aqui

Assuntos sobre: Educação, Comportamento, entre outros. 

                                     

COMPARTILHE
Postagem Anterior
Próximo Post

Textos escolhidos pra você: